Assine a Newsletter

Sucesso! Verifique a sua caixa de E-Mail

Para completar a Assinatura, clique no link de confirmação na sua caixa de correio. Se não chegar em 3 minutos, verifique por favor a sua pasta de Spam.

Ok, Obrigado

Dois imigrantes são agredidos por três homens no Porto

As agressões aconteceram na mesma região onde três imigrantes tiveram a casa invadida e atacados há um mês.

DN Brasil profile image
por DN Brasil
Dois imigrantes são agredidos por três homens no Porto
PSP realiza buscas pelos agressores. Foto: Amin Chaar / Global Imagens

Texto: Agência Lusa / DN Brasil

Dois imigrantes foram agredidos na manhã desta terça-feira por três indivíduos na Rua da Alegria, no Porto. A Polícia de Segurança Pública (PSP) tenta identificar os agressores, revelou fonte da polícia à Lusa. Segundo a PSP, as agressões ocorreram pelas 07h na Rua da Alegria, na freguesia do Bonfim.

As vítimas são de nacionalidade indiana e tiveram de ser assistidas no hospital Santo António. Antes de agredirem os dois homens, a PSP suspeita que os três indivíduos agrediram também uma pessoa em situação de sem-abrigo na mesma região. Neste momento, a PSP tenta descobrir a identidade dos agressores.

As agressões aconteceram na mesma região onde três imigrantes tiveram a casa invadida e atacados há um mês. Todos os agressores são portugueses e as vítimas marroquinas e argelinas. A polícia informou ao DN que ao menos um dos responsáveis pelo ataque está ligado a grupos de extrema-direita. O Ministério Público abriu inquérito para investigar o caso, que teve repercussão em todo o país

Na ocasião, associaram a agressão a casos de criminalidade naquela região da cidade. Uma fonte da PSP informou ao DN que a polícia já havia realizado operações e detenções no mês de janeiro. “Resolveram armar-se em vingadores”, disse na ocasião a fonte, que atua no Porto.

Segundo a autoridade, mesmo depois da atuação policial na zona continuaram a circular entre a população notícias de “terror  vivido naquela área com os estrangeiros”. “Dias depois aconteceu o que se sabe”, acrescentou. Em 2023, os crimes de ódio aumentaram 38% no país.

DN Brasil profile image
por DN Brasil

Subscreva a Newsletter

Sucesso! Verifique a sua caixa de E-Mail

To complete Subscribe, click the confirmation link in your inbox. If it doesn’t arrive within 3 minutes, check your spam folder.

Ok, Obrigado

Ler Mais